Wishlist

wishlist de aniversário

quinta-feira, julho 20, 2017
Aquele post que é necessário ser feito todo mês de julho, por motivos óbvios de meu aniversário. Não sou muito fã de aniversário, não sei exatamente porque, mas, não é algo que me deixa muito feliz esta ficando mais velha. Mas presentes é muito bom, fico realmente feliz quando recebo um haha

Fiz uma seleção de coisas legais que estou desejando a um tempinho e só não comprei por falta de tempo, vulgo sem dinheiro.

1. Delineador They're Real!, Benefit 
Um belo dia usei esse delineador de uma amiga, sinto saudades até hoje!

2. Máscara de cílios Roller Last, Benefit
Não costumo usar rímel, uma vez meus cílios caíram quando usei um baratinho e fiquei traumatizada. Andei pesquisando e encontrei esse que achei lindo já pela embalagem.

3. Paleta de sombras Balm Jovi, The Balm
Quem me conhece sabe que eu sempre fui a pessoa que só usava delineador. Sem sombra, sem base, rímel, pó, enfim, literalmente só usava delineador. Estou começando a me aventurar nesse universo das maquiagens, fiquei apaixonada nessa paleta de sombras que além de ser extremamente bonita, ouvi falar que a qualidade é excelente.

4. Livro "Eu estou pensando em acabar com tudo", Iain Reid
Esse livro me chamou atenção de primeira por causa do nome, quando li a sinopse fiquei com mais vontade ainda de lê-lo. É um suspense psicológico que aparenta te prender até o final

5. Jacket bomber Unicórnio, Wear ever
Preciso realmente dizer alguma coisa? Genteee, é uma jaqueta de unicórnio, melhor não há!

6. Luminaria Unicórnio, Imaginarium
Foi amor a primeira vista quanto vi essa luminária, como não se apaixonar por ela? Com certeza eu seria uma pessoa muito mais feliz se a tivesse ao lado da cama.

7. Livro "Confissões do Crematório", Caitlin Doughty
Esse livro fala da morte, são relatos reais de coisas que aconteceram em uma casa funerária.

8. Game "The evil within 2"
Quando joguei o primeiro The evil within não era bem o que eu imaginei que seria, pensei que era um jogo realmente de terror que iria me dá vários sustos, desanimei um pouco mas mesmo assim o jogo foi super bom. Ao sair o trailer do 2 já deu vontade de entregar todo meu dinheiro.

O que acharam da lista? Estão desejando algo dela?
Decoração

DECORAÇÃO: BLOCOS DE CONCRETO

quarta-feira, junho 28, 2017
No mundo da decoração tudo pode ser utilizado de alguma forma diferente, e é isso que me faz gostar tanto desse assunto. Sabe os blocos de concreto? Eles estão saindo das construções e entrando nas casas para virar objeto super descolado de decoração.


Eles podem ser uma opção barata para móveis e dão um visual industrial para o ambiente. Você pode usa-los no quarto como apoio de colchão box, empilhados formando uma mesinha de cabeceira.
Na sala eles serve para apoio de estante, empilhando os blocos e colocando uma madeira em cima vira uma ótima mesa, ideia baratinha pra um home office ou mesa de jantar, mesinha de centro.

No jardim em composição com belas almofadas e forrações conseguimos bancos de concreto pra família toda, empilhados viram suporte para vasos de plantas, ainda pode usar os blocos deitados e colocar as platinhas dentro deles.



Existe uma infinidade de ideias usando blocos de concreto. Se a cor cinza não te agrada muito você pode pinta-los com tinta acrílica, lembrando de passar verniz para que não fique soltando pó dos blocos.

O que vocês acham de móveis com esse material? Possui algum em casa? Me conte nos comentários!

Games

THE AVERAGE EVERYDAY ADVENTURES OF SAMANTHA BROWNE

segunda-feira, junho 19, 2017

Ultimamente se tem falado muito sobre a prevenção de transtornos mentais, usando recursos algumas vezes bem inusitados. O universo geek não poderiam ficar de fora dessa luta, games super bacanas e bonitos que ajudam a conscientizar o jogador sobre transtornos e bullying.


Em uma busca por jogos gratuitos na Steam encontrei "The average everyday adventure of Samantha Browne", e foi incrível como que me senti representada por Samantha. O jogo relata de forma clara e até mesmo assustadora como é o dia a dia de uma pessoa com transtorno de ansiedade generalizado, como uma simples tarefa pode ser tornar algo extremamente difícil.


 
Samantha Browne é uma jovem estudante que mora em um alojamento comunitário. Com muita fome decidi ir a cozinha preparar uma refeição, algo comum não é mesmo? Não para uma pessoa introvertida e com alto grau de transtorno de ansiedade. O medo de encontrar alguém no caminho é enorme, de falar e ser ignorada, ser motivo de piada, o medo de fracassar assombram Samantha.
Sua missão como jogador é conseguir ir e voltar da cozinha (com sua refeição), sem cometer qualquer erro que possa levar Samantha a ter uma crise de ansiedade.

A jogabilidade é simples (estilo point-and-click/visual novel) e rápido, você apenas escolhe as opções que aparece na tela, cada opção leva a um desfecho diferente. O design é extremamente fofo, trilha sonora  e os efeitos sonoros encaixam perfeitamente ao ambiente retratado no jogo.


O jogo foi lançado em abril de 2015 e esta disponível gratuitamente na Steam (aqui).
Compras

COMPRANDO ITENS POKÉMON

segunda-feira, maio 08, 2017
Eu tenho uma grande paixão por Pokémon, sempre que vejo qualquer item relacionado já fico louca querendo comprar todos (e isso nem sempre é possível, fico só na vontade mesmo).

Se assim como eu, você é apaixonado por Pokémon, isso significa que você precisa estar rodeado de itens, seja na sua casa, no seu quarto, na sua bolsa, qualquer lugar que você quiser.
Ainda bem que a internet está lotada de lojinhas maravilhosas que vendem itens magníficos pra você ser um mestre Pokémon de respeito haha


1. Pelúcia Pokébola da Geekyard
2. Case de celular da Colab55
3. Pelúcia Dragonite da Quarto Geek
4. Bloco de Anotações Pikachu da Hmmm
5.  Almofada Pokébola da Gorila Clube
6. Pôster Pokemon da Colab55
7. Pokébola em tamanho real da Quarto Geek
8. Action Figure Charmander e Squirtle da Geekyard 
9. Porta Celular Pikachu da Segredo do Vitório 
10. Caneca pokébola com pikachu de pelúcia da Quarto Geek

O que achou dos itens selecionados? Algum roubou seu coração? Me conte nos comentários!
Pessoal

Por que e para quem escrevo

sexta-feira, maio 05, 2017

Acredito que quando comecei a escrever, aos 8 anos tinha o único objetivo de eternizar todos  os meus pensamentos, transformar em palavras os momentos que passei. Era poder reviver sempre que quisesse as sensações que senti no dia. Escrevia em um diário com cadeado, o escondia nos lugares mais absurdos. Sentia medo de ser descoberta.

Passei muito tempo escrevendo pra mim, até o momento que descobri o que me motiva e o meu objetivo. Percebi que era muito egoísmo da minha parte escrever apenas pra mim. Descobri o poder de ajudar, libertar e informar outras pessoas.

Há alguns anos quando escrevi meu primeiro texto falando sobre automutilação, não tinha a menor ideia que seria algo tão profundo, que poderia ajudar pessoas na mesma situação. Um simples desabafo no tumblr transformou a minha visão da internet. Me mostrou que todas pessoas tem um lado obscuro dentro de si, mas, que também possuem uma força gigantesca.

E isso me tocou de uma maneira extremamente forte.


Naquele desabafo eu passei a entender que tenho um propósito muito maior do que um dia pensei que teria. Quando descobri o poder que uma palavra possui que pude entender meu propósito. E quando a gente descobre o que nos faz feliz não há nada que nos faça parar.

Agora quando penso em escrever, quero mexer com alguém, quero ajudá-lo de alguma forma. Espero
que a pessoa do outro lado da tela entenda que mesmo eu não a vendo ou conhecendo-a, quero poder passar tranquilidade e conforto com minhas palavras. Quero dizer "Ei, está tudo bem com seu corpo, você é linda", "você é muito mais que sua doença psicológica", ou até mesmo "cada cicatriz foi uma guerra ganha". Quero mostrar que tudo bem ser estranho, as melhores pessoas são. 

Posso dizer com toda certeza que escrevo por que não sei como viver sem escrever. Escrevo porque vivo e vivo porque escrevo. Escrevo para me libertar, mas principalmente para que você se liberte comigo. Escrevo por mim e para você.

NO FACEBOOK

Créditos

Todo o conteúdo desse blog é de propriedade de Thaynara Paiva, exceto o conteúdo sinalizado. Protegido pela Lei do Direito Autoral Nº 9.610 de 19/02/1998. É Proibido qualquer tipo de reprodução das imagens e textos sem autorização por escrito.